Olá amantes do vinho. Hoje nós trouxemos um artigo bem prático e direto com dicas de pratos para harmonizar com vinho rosé. Assim você nunca mais vai ficar em dúvida sobre o que servir na próxima refeição.
Como sabemos, os vinhos rosés estão em alta nos dias mais quentes. Inclusive, nós temos um artigo bem completo passando diversas dicas de refeições e outras bebidas ótimas para estes meses de muito calor.

Sendo assim, hoje decidimos fazer uma publicação indicada apenas para os pratos. Como gostamos de fazer sempre, há aqui opções requintadas e elegantes, mas também pratos despretensiosos, fáceis e ótimos para o dia a dia, ou uma reunião alegre entre amigos. Então, vem ver de perto as nossas dicas de pratos para harmonizar com vinho rosé.

Trataremos os temas a seguir.

Vinho rosé com carnes: vamos começar pelo básico

Sabe o frango assado com batatas de domingo? Ele é uma bela combinação na hora de degustar o seu vinho rosé. O frescor do vinho faz contraste com a gordura do frango, trazendo mais equilíbrio para o prato.

Aves grelhadas com saladas ou, até mesmo, um strogonoff de frango são uma ótima ideia na hora de harmonizar o seu vinho rosé.

Maionese Lovino

Além das carnes brancas, carnes vermelhas bem temperadas, como os tacos e burritos mexicanos, ou carnes com pouca gordura vão super bem com vinho rosé.

Entenda as características do vinho rosé: combinações incríveis

Para os que preferem pratos frios, como ceviche, sushi, cuscuz marroquino ou saladas saborosas, como a caprese, o rosé dá um toque especial, aumentando ainda mais a sensação de frescor.

Petiscos e canapés são boas escolhas também, já que o rosé limpa o paladar e tem acidez ideal para equilibrar com a untuosidade das frituras.

Vinho Rose Lovino

Por isso, pode apostar sem medo em iguarias como bolinho de bacalhau, bolinho de arroz, coxinha, pastel, linguiça calabresa e queijos variados.

Frutos do mar, especialmente camarão, também formam uma combinação irresistível. E vale lembrar que carnes, massas – incluindo a pizza! – são outros bons candidatos à harmonização com esse estilo de vinho.

Rosés de cor cereja: a combinação incrível desse sabor

Já se o seu vinho rosé for daqueles com uma cor um pouco mais forte, lembrando a cor das cerejas ou morangos (isso a gente vê bastante nos vinhos rosés de Portugal, da Argentina e da Espanha), tem um truque.

Você poderá explorar preparos que levam molhos rosés, carne de porco embutida e peixes mais gordurosos, como as moquecas.

E se você gosta de arriscar, prove com um bom churrasco. Principalmente com carnes mais magras como fraldinha e maminha, ou com corações de galinha, frango e até o queijo coalho, o rosé vai super bem!

Misturar vinhos brancos e rosés com vinhos tintos: combinações

Alguns vinicultores produzem vinhos brancos e tintos e depois misturam para dar a tonalidade rosa desejada, essa técnica se chama Blend ou Assemblage.

Na Itália essa prática na produção de vinhos rosés é proibida, e os produtores utilizam outras combinações.

Portanto, atente-se para saber se o vinho que você adquiriu vem de um Blend. Lembrando que essa não é uma estratégia que tira o sabor, ou diminui o valor do vinho, apenas apresenta características distintas de rótulos rosés naturais.

Harmonizando com rosé Mediano: o mais famoso

Provavelmente esse é o estilo mais comum no mercado, onde os rótulos variam de secos a meio secos e contam com um bom equilíbrio entre as sensações de doçura e acidez.

Normalmente, os medianos apresentam ligeiros extratos de taninos, o que os torna muito versáteis para a adaptação gastronômica.

Por essas questões, as melhores harmonizações deste rosés são com as carnes (como explicamos no início do artigo) e com os queijos – veja o próximo tópico.

Harmonizando rosé com tábua de frios e queijos

Azeitona, queijo mussarela, presunto parma, amendoim, castanhas e queijo branco para um jantar com os amigos. Mas falta alguma coisa: vinho.

 Aperitivos Vinho

Para uma noite de petiscos, aposte em um vinho rosé levinho, que além de ser fácil de harmonizar, vai limpar o sabores dos petiscos mais gordurosos, como o queijo, e vai complementar a acidez de aperitivos como a azeitona.

Combinando vinhos rosés com verduras

O vinho rosé também proporciona ótimas harmonizações com verduras. Pratos requintados ou simples sempre pedem acompanhamentos, e verduras são boas opções em várias receitas. Além de muito nutritivas, elas dão um toque especial a um prato com carnes, por exemplo.

Abóbora cozida e temperada com alho e sal, e pimentas com picância leve, são guarnições muito adequadas ao descontraído vinho rosé. Além destas, cebola, tomate, e pimentões também casam com a bebida rosada.

O famoso ratatouille é um prato que se estabelece como uma perfeita combinação para vinhos rosés. O feijão preto, branco e a lentilha também podem dividir o prato com o arroz, e harmonizar com a bebida, realçando suas qualidades e sutilezas.

Estes pratos são típicos de momentos em almoço, jantar, ou também depois de horas na praia ou na piscina, em que o calor pede bebidas refrescantes para aliviar.

Parma Lovino

Rosés podem ser degustados o ano todo

Por ser um vinho que deve ser bebido fresco, o rosé ainda é muito encarado como uma bebida de verão. Mas quem gosta de degustá-lo em qualquer época do ano pode comemorar, porque isso não é necessariamente verdade.

No Brasil, classificar esses vinhos como uma “bebida de verão” é um mito. Nossos invernos não chegam às temperaturas mais extremas. Logo, até nos dias mais frescos é possível aproveitar um vinho rosé servido na temperatura correta e ter uma boa experiência.

E para finalizar: harmonizando com a sobremesa

Por fim, para confirmar sua versatilidade, que tal beber um vinho rosé espumante com sobremesa? Sim, Exemplares desse estilo, principalmente os secos, podem ser servidos com frutas frescas, ou ainda com tortas à base de frutas vermelhas. Se a sobremesa não for tão doce e tiver frutas em sua composição, como um bolo branco com morangos e cerejas, entre outros, a harmonização final é excelente. É fácil se deliciar e, mais ainda, se apaixonar por esse estilo de vinho. Flexível e muito saboroso, é a pedida ideal para aproveitar boas companhias junto aos mais variados pratos culinários.

Esperamos que nossas dicas de harmonização de vinhos tenham lhe dado ótimas ideias para que você tenha experiências únicas. O melhor e o mais importante da harmonização experimentar e descobrir o que mais te agrada. Bebidas e alimentos somente são descobertos se praticarmos bastante, na prática.

Gostou dessas dicas? Já se sente pronto para começar a experimentar e harmonizar vinhos para parte do seu cotidiano? Então, não perca tempo! Acesse nosso site e confira e escolha o vinho que você harmonizará com as suas refeições. Agradecemos a leitura e até a próxima!